Premiê do Japão diz que nunca colocou a Olimpíada em primeiro lugar

Foto Reprodução Twitter de Yoshihide Suga Premiê Japonês

Quase 60% dos japoneses querem que os Jogos sejam cancelados

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, disse nesta segunda-feira (10) que “nunca coloca a Olimpíada em primeiro lugar”, e uma pesquisa de opinião mostrou que quase 60% do povo quer que os Jogos sejam cancelados menos de onze semanas antes de seu início programado.

O Japão prorrogou um estado de emergência em Tóquio e três outras áreas até o final de maio e está tendo dificuldade de conter uma disparada de casos de covid-19, o que provoca mais dúvidas sobre a realização dos Jogos – e sua taxa de vacinação está entre as mais baixas das nações ricas.

Autoridades olímpicas internacionais, organizadores de Tóquio e o próprio Suga insistem que a Olimpíada acontecerá de forma “segura e protegida”. Espectadores estrangeiros não serão permitidos, e os organizadores emitiram um conjunto elaborado de regras no mês passado visando evitar as infecções de coronavírus.

+ Mais

Mas tais arranjos não diminuíram os receios públicos com os Jogos, que foram adiados no ano passado, já que o coronavírus está se disseminando por todo o mundo.

Uma sondagem realizada entre 7 e 9 de maio pelo diário Yomiuri Shimbun mostrou que 59% dos entrevistados querem o evento cancelado, contra 39% que disseram que ele deveria acontecer. “Adiamento” não foi oferecido como opção.

Outra pesquisa realizada no final de semana pela TBS News revelou que 65% querem os Jogos cancelados ou adiados novamente. Mais de 300 mil pessoas já assinaram uma petição pedindo o cancelamento desde que ela foi lançada cerca de cinco dias atrás.

Parlamentares opositores questionaram Suga durante horas a respeito da realização da Olimpíada nestas circunstâncias.

Num aparente reconhecimento das preocupações da população sobre realizar a Olimpíada em qualquer cenário, Suga respondeu, quando indagado se iria adiante com os Jogos mesmo se as infecções registrassem um salto: “Eu nunca coloquei a Olimpíada em primeiro”.

“Minha prioridade é proteger as vidas e a saúde da população japonesa. Temos de primeiro evitar a disseminação do coronavírus”, declarou.

Por Agência Brasil Notícias – Elaine Lies, Leika Kihara e Chang-ran Kim – Tóquio (Japão)

Reuters

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s